Institucional / 21-03-2018 214

Em Vagos, o Conselho Municipal da Juventude é uma realidade

A Câmara Municipal de Vagos, através do Pelouro da Juventude convocou no passado dia 16 de março a primeira reunião do Conselho Municipal da Juventude de Vagos.

Nesta primeira reunião foram apresentados os novos representantes do Conselho Municipal da Juventude e aprovado o regimento deste órgão, que passará a reunir quatro vezes por ano – primeira quarta-feira dos meses março, junho, outubro e dezembro, pelas dezoito horas e trinta minutos. Foram ainda eleitos os secretários assim como um membro que irá representar o Conselho Municipal da Educação.

Importa referir que, para a primeira sessão do Conselho Municipal da Juventude, deste ano, foram convocados todos os conselheiros. No entanto apenas estiveram representados os membros das seguintes associações juvenis do Concelho de Vagos, a saber: o Agrupamento de Escuteiros de Vagos, o Agrupamento de Escuteiros de Fonte de Angeão, o Grupo Municipal do PSD, a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Vagos, a Associação de Estudantes do Colégio Diocesano Nossa Senhora da Apresentação de Calvão e a Juventude Social Democrata.

Segundo o Vereador do Pelouro da Juventude, Pedro Bento, o Conselho Municipal da Juventude “é um espaço de debate de ideias e temas que interessam à juventude. É um espaço que pretende aproximar os jovens dos seus anseio e necessidades. É um meio que a Autarquia dispõe para auscultar os jovens sobre os seus projetos e desejos, na tentativa de os tornar reais”.

A revitalização do Conselho Municipal da Juventude é um dos objetivos traçados pelo atual Executivo Municipal, na prossecução do seu programa eleitoral. Além deste ponto é, ainda, preocupação da Câmara Municipal de Vagos, apoiar todas as associações e clubes do concelho de Vagos, que desenvolvem trabalhos e projetos em prol dos jovens. Uma juventude ativa é uma juventude motivada e capaz de fazer crescer e desenvolver o nosso Concelho.